A casa que une os casais nas alturas!

A casa que une os casais nas alturas!

A casa que une os casais nas alturas!

Gustavo de Campos Gustavo Soares Pires de Campos
Loading admin actions …

Imagina que seu parceiro ou sua parceira tem um casal de amigos com uma grande afinidade entre vocês. A afinidade é tão grande que todos os grande momentos da vida vocês gostam de passar juntos, incluindo aquelas férias longe da cidade grande e mais próximos a natureza que tanto faz falta no dia-a-dia. Ao mesmo tempo é muito caro comprar um terreno ou mesmo pagar um arquiteto para projetar um agradável lugar para curtir os períodos de folga. Desta, maneira os dois casais se juntam e comprar um terreno e pagam um escritório de arquitetura para a realização daquilo que será a solução para todas as férias que estão por vir.

Foi exatamente o que dois casais de amigos fizeram! Para tanto eles chamaram o escritório Cabana Arquitetos, o qual realizou um trabalho fantástico. Aquilo que podemos chamar de chão da casa fica na verdade há vários metros do chão da floresta, conformando praticamente uma casa na árvore. Mas é uma casa dupla! Existem duas casas independentes e totalmente equipadas para receber seus donos por vários dia. Mostraremos a seguir toda a magia de estar flutuando acima do solo natural e a beleza sensacional que só uma grande amizade transformada em projeto de arquitetura pode proporcionar!

Duas casas se encarando

A simplicidade é a regra. Mas simplicidade sem tornar a construção tosca, é uma simplicidade capaz de ser singela, lembrando antigas construções de madeira. Os telhas apontam para o centro do terreno, onde existe um caimento para a água da chuva escorrer. As duas casa se olham e a área comum entre elas srve para dar espaço para que a iluminação entre e a entrada seja ventilada.

Espaço priva

Nós sabemos já da amizade dos casais e de que o espaço comum existente entre as duas casas elevadas é algo essencial na constituição da constituição. Entretanto, é extremamente necessário que exista um espaço particular para que cada casal desfrute o lugar a sua maneira e sem interferir nos planos do outro casal constantemente e esta saca com uma maravilhosa vista é a resposta para isto.

Os encaixes

A casa é, no final das contas, apoiada e estruturada nas árvores nativas da flores. Isto é uma das cosias mais interessante deste projeto, pois ao invés de construir uma estrutura completamente nova os arquitetos se aproveitaram da já existente e eficiente estrutura da forte vegetação do lugar. Algumas adaptações foram feitas e, por fim, a casa se mescla quase como uma integrante, uma nova espécie a se desenvolver dentro deste ecossistema. 

Leveza na falta de estrutura

Os mais belos projetos são feitos de verdade em seus pequenos detalhes. A colocação de algumas característica é essencial para um bom resultado. No casa destas casas o truque não é a adição, mas sim a subtração. A falta de um elemento de suporte no vértice da janela faz com que, somado isso ao vidro extenso, exista uma sensação de flutuabilidade, trazendo leveza e fluides ao anguloso canto.

As casa gêmeas divididas pela árvore

Como já falamos anteriormente estas casas se encontram de frente uma para a outra, quase como se encarando. No pátio que as separa e dá respiro para a circulação uma alta árvores atinge as alturas de modo a coroar a bela residência dupla contra o céu azul. É como ter um canteiro na frente de casa, mas não flores: é copa de uma linda árvore!

O lugar do descanso

O ambiente principal de cada casa (sendo que ambas são iguais, apenas espelhando uma a outra) é com certeza o quarto único. O colchão de casal é elevado do chão por um tablado, quase ao estilo japonês, conferindo leveza e simplicidade ao espaço sem ornamentos. Essa falta de ornamentos e a pouca informação fazem com que a janela sem estrutura central seja também aqui a atração que nos puxa para observar a linda vista.

A simplicidade do minimalismo

O banheiro de uma casa de férias não necessita de grandes luxos. Ele está ali para ser eficiente, para ser usada de maneira correta e poder ser limpado da maneira mais rápida e fácil possível. Entretanto, ele não precisa ser feio. É isto que o minimalismo deste banheiro nos ensina ao colocar apenas a cuba sobre a bancada e um pendurador de toalhas na parede. Simples e eficiente.

O paraíso nas alturas

A altura na qual as duas casas gêmeas se encontram e a textura não linear e fragmentada de suas paredes de madeira fazem com que elas sejam confundidas com as copas das árvores para os olhos menos atentos. A brisa que ali bate tira todo o calor e faz com que o exterior seja extremamente agradável numa gostosa noite de verão. Um verdadeiro paraíso acima do solo.

Gostou destas lindas casas gêmeas? Então continue a ler mais clicando aqui.

Whitton Drive: modern Houses by GK Architects Ltd

Need help with your home project?

Get in touch!

Need help with your home project?

Get in touch!

Request free consultation

Discover home inspiration!